Minha Poesia

26
Jun 19

 

 

952 (2).jpg

 

 

PARTI

 

Parti , doendo a mágoa na alma

Num dia próximo da primavera

Foi numa manhã fresca e calma

Que no caís deixei meus pais à espera

 

Partida tão difícil e dolorosa

E o coração nem me queria deixar ir

Sei que um dia a chegada será saborosa

Abraçando meus pais, chorando a rir

 

Fui embora atrás dum sonho

Que no outro lado do mundo me esperava

Meu peito viveria tristonho

Sabendo que lá alguém me amava

 

De: Fernando Ramos

8.3.2014

publicado por Fernando Ramos às 19:10

Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO