Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

18
Dez18

904 - MÁQUINAS DE FAZER POBRES

Fernando Ramos

904.jpg

 

MÁQUINAS DE FAZER POBRES

 

Este é um País de gente honrada

e trabalhadora

Este é um País de heróis

Que desbravaram mundo

Sem receios dos percalços do destino

Este é um País

Onde alguns políticos sem escrúpulos

Tentam tratar o seu povo 

Como atrasados mentais

Jogando num tabuleiro de interesses

Que se entrelaçam

Numa perversidade sórdida

Beneficiando dos lugares

Que ocasionalmente ocupam

Levando ao empobrecimento

E embrutecimento com sua

Baixeza de vida

Gente que ama este País

Este é um País donde por vezes 

Aparecem uns figurões que não passam

De reles Máquinas de criar

Pobres e Miseráveis

Protegendo sempre quem tem fortunas

Consideráveis por vias duvidosas

Esquecendo-se, que um dia

Os Miseráveis não tendo

Qualquer forma de se alimentarem

Lá terão de passar a comer os ricos

Que Deus proteja este pobre País

De quem não ama a sua gente

 

De: Fernando Ramos

 10.12,2012

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D