Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

669 - VIAJANDO PELO DESTINO

Fernando Ramos, 05.08.22

 

669 fr (1).jpg

 

  • VIAJANDO PELO DESTINO
  •  
  • Nosso destino é uma viagem
    Longa, muito longa, ou menos longa
    Seja de avião, comboio, charrete, 
    Carro, ou outro transporte qualquer
    Sempre repleto de embarques,
  • Ou desembarques 
    E pelo tempo, sempre surgem novidades
  • Das confusões da vida 
    Umas agradáveis, outras desagradáveis 
  • Nas estações, ou aeroportos onde se pára
    Trazendo quase sempre aquela surpresa 
    Triste, ou alegre, tudo depende...
  •  
  • Quando subimos pró transporte do destino
    Encontramos outras pessoas, 
    Que como nós, nada sabem 
    Do que vão encontrar
    Estando connosco na mesma incerteza 
    De viagem, sendo até os nossos queridos pais
    Que numa estação próxima, o destino nos faz 
    Uma partida!
  • Pára onde não deve, e os faz sair
    Abrindo um enorme vazio na nossa vida
    Perdemos seu amor, carinho, amizade
    Ficando nós, privados, da sua 
    Companhia insubstituível
  •  
  • Em outros cais, aeroportos ou estações,
    Por vezes entram pessoas que acabam 
    Por serem também muito importantes
  • p’ra nós, e até especiais,
  • Muito especiais mesmo 
    Que nos acompanham até à saída 
    Do fim da nossa estação 
    Terminando aí, o nosso desafio
    Da viagem de avião, ou de outro transporte
    Nosso destino é como uma viagem que Deus
    Marca no nosso roteiro de vida
    Só temos é de nos instalarmos, e de partir 
    Ao encontro do que ele nos reservou
  •  
  • de: Fernando Ramos