Minha Poesia

18
Mai 21

 

 

AMOR FINAL

 

Esta noite choveu estrelas por instantes 
Num céu azul de amores infinitos
As nuvens ouvem gemidos estonteantes
E murmúrios por nós ditos

 

Eles em nossa alma sambam 
Por sentimentos belos e cativantes 
Tidos em nossos seres que se amam
Nas noites das estrelas brilhantes

 

E nossos corpos nessas noites se deitam 
Num leito de paraíso e quentura
Perdidos num suor de amor se amam
Rodeados em vertigens e muita doçura

 

Levando-nos loucamente num frenesim 
Gozado num vaivém sem parar
E cobertos por lençóis de fino cetim
Nós ao amor final, vamos chegar

 

 

De: fernando ramos

publicado por Fernando Ramos às 11:30

Maio 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9



31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO