Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

225 - O TÉLELE NA ESTRADA

Fernando Ramos, 22.02.21

 

 

  • O TÉLELE NA ESTRADA - rap

  • Pela estrada da Alegria
  • Aí vou eu noite e dia
  • Encontro o Zé Proença
  • Levando a telefonia
  •  
  • Com ele bem converso
  • Por causa do meu télele
  • Porque nele telefonar
  • Nem eu sei bem como é
  •  
  • Também encontro a Francelina
  • Que vai à praça do largo
  • Comprar comidinha
  • P´ra neta  que tem a cargo
  •  
  • "Eu tenho um télele
  • É bonito e toca bem
  • Muitos perguntam o que é
  • E digo que nem eu sei"
  •  
  • E lá vou p´la estrada fora
  • E outros mais vou encontrando
  • Agora estou com a Maria Aurora
  • Que, com ela vou caminhando
  •  
  • Aquela via é tão bela
  • Como a estrada de Damasco
  • Eu nestes pensamentos
  • Entretanto aparece o Vasco
  •  
  • Da sua vida vai falando
  • Porque o filho está na tropa
  • Seus dias são um tormento
  • Que os passa em sofrimento
  •  
  • Continuo  pela estrada
  • Com o télele de primor
  • Que não há meio de tocar
  • P´ra ouvir o meu amor
  •  
  • "Eu tenho um télele
  • É bonito e toca bem
  • Muitos perguntam o que é
  • E digo que nem eu sei"
  •  
  • E rosas vou apanhando
  • P´ra dar, a ela com fervor
  • Que me espera no bar do Nando
  • Bem próximo do senhor Prior
  •  
  • É a mulher mais linda
  • Que no mundo pode existir
  • Rosa Maria de seu nome
  • Que meu coração anda a partir
  •  
  • "Eu tenho um télele
  • É bonito e toca bem
  • Muitos perguntam o que é
  • E digo que nem eu sei"
  •  
  • Esta estrada não tem fim
  • E flores vou apanhando
  • Mais amigos passam por mim
  • A eles vou acenando
  •  
  • No meio da estrada vou parar
  • E atender o télele
  • É a Rosa a telefona
  • Que já lá está no café
  •  
  • Ela, diz p´ra ir depressa
  • Porque chegou a irmã Vanessa
  • E, lá fui correndo por ali
  • P´ra dizer à minha irmã
  • Que saudades tenho de si
  •  
  • Ó estrada, tu não acabas
  • Mas eu fico por aqui
  • meu télele já toca
  • Porque o amor ligou p´ra mim
  •  
  • "Eu tenho um télele
  • É bonito e toca bem
  • todos perguntam o que é
  • E digo, que nem eu sei"
  •  
  • de: Fernando Ramos

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.