Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

118 - PANTERA NEGRA

29
Jan16

 


 


PANTERA NEGRA


 


Desapareceu o Rei do símbolo maior do futebol


E o céu ganhou a magia de mais uma Estrela


EUSÉBIO o talento da nossa emoção


Era o Artista que fazia rir e chorar multidões


Acendendo a luz da chama imensa do coração


E somente os que viram


A “PANTERA NEGRA” jogar


Viram a Poesia em movimento


Viram a Arte de correr, fintar e saltar


E á baliza bem chutar, p´ra alegria


Dos adeptos do clube do Manto Sagrado


E desses belos momentos tão profundos


Ele era o virtuoso da mística enchendo de orgulho


O glorioso BENFICA, e todo o mundo


Que amavam o Rei EUSÉBIO


Como se nunca mais houvesse amanhã


 


De Fernando Ramos


5.1.2014

117 - ADEPTOS DO BENFICA

28
Jan16


 


ADEPTOS DO BENFICA


 


Pela tua humildade te amamos


De tanto lutares gritarmos


De tanto quereres vencemos


De tanto sofreres crescemos


Nós somos Adeptos do BENFICA


E amamos-te como és


Outros te invejam


Pelo mesmo motivo


E suas dores nunca irão passar


Mas os nossos sorriso de vitória


Vão eternamente ficar


 


de: Fernando Ramos

116 - VAMOS GANHAR O JOGO

27
Jan16


 


VAMOS GANHAR O JOGO


 


Vamos ganhar o jogo


Dando tudo em campo


Com honra e a dignidade


Da bandeira vermelha


Das papoilas saltitantes


Do nosso hino


 


Vamos ganhar o jogo


É a nossa história de campeões


Que o exige aos Atletas


Da Águia que os espreita


P´las alturas dos Estádios


Na brisa da chama imensa


Num arrepio dum desejo descontrolado  


Que é música que se mistura


Com a voz dos adeptos


 


Vamos ganhar o jogo


E se a vitória não for desta


Será um céu de melancolia no Estádio


Mas é apenas um jogo, nada mais


E a vitória surgirá na próxima vez


Com o eterno amor dos Adeptos


Que acreditam com fé


Confiança e Esperança


Nos Atletas do Sagrado Manto


Vermelho e branco


Que vestem


 


De: Fernando Ramos


 


 

115 - BANDEIRA VERMELHA DO BENFICA

26
Jan16


BANDEIRA DO BENFICA


 


Quando uma brisa leve


Tocar no símbolo Vermelho


São apenas os adeptos


A beijar o Manto Sagrado


Do glorioso BENFICA


E em cada jogo


Em qualquer Estádio


As vitórias alcançadas


São lágrimas felizes


Gravadas na bandeira


Vermelha do BENFICA   


Na sua perfumada caminhada


De orgulho e belo acontecer


 


de: Fernando Ramos


2.12.2013

114 - CHAMA IMENSA NO CORAÇÃO

25
Jan16

  


 


CHAMA IMENSA NO CORAÇÃO


 


A nossa força está no amor ao Clube


E nós, adeptos do BENFICA


Não somos derrotados quando perdemos


Só somos derrotados quando desistimos


E como o BENFICA E NÓS nunca desistimos


O apoiaremos sempre como se nunca


houvesse amanhã


E poderemos não ter todas as vitórias


que muito amamos


MAS AMAREMOS ETERNAMENTE


O BENFICA QUE TEMOS


E dai a nossa força


É uma paixão Incumensurável


Na chama imensa abrasadora do coração


 


de.Fernando Ramos

113 - O BENFICA VAI LÁ GANHAR

23
Jan16

  


 


O BENFICA VAI LÁ GANHAR


 


O BENFICA vai jogar


A casa do adversário


Correndo p´ra vitória


Prós pontos alcançar


   


O BENFICA vai lá ganhar


Aí vai, vai, vai


O BENFICA vai lá ganhar


Aí vai, vai, vai


 


Lutando pela vitória


Com garra e alegria


P´ra ficar na sua história


Mais um jogo de magia


  


O BENFICA vai lá ganhar


Aí vai, vai, vai


O BENFICA vai lá ganhar


Aí vai, vai, vai


 


De jornada a jornada


O primeiro lugar é sua proeza


Desfraldando a Bandeira amada


Pró Mundo da sua grandeza


 


O BENFICA vai lá ganhar


Aí vai, vai, vai


O BENFICA vai lá ganhar


Aí vai, vai, vai


 


O BENFICA vai jogar


A casa do adversário


Correndo p´ra vitória


Prós pontos alcançar


 


de: Fernando Ramos


30.7.2013


 


 


 


 

112 - ADEPTOS DO GLORIOSO BENFICA

22
Jan16

 


 


ADEPTOS DO GLORIOSO BENFICA


 


Somos adeptos benfiquistas


Temos no sangue ambição


Alegria das belas conquistas


E o BENFICA no coração


 


Nosso clube tem a firmeza 


E atitude enorme de campeão


Joga com garra e beleza


Causando ao mundo admiração


 


E é com sabedoria que Deus dita


Vivermos nesta louca paixão sã


Por isso milhões amam o BENFICA


Como se nunca houvesse o amanhã


 


Somos o Adepto fiel que chora e grita


Por Estádios da nossa vaidade


Construindo bela história tão rica     


Quanto a nossa honestidade


 


de: Fernando Ramos

111 - O MAIOR CLUBE

16
Jan16

 


 


 


O MAIOR CLUBE


 


O BENFICA De vêr triunfar


ÁRBITROS INCOMPETENTES


De vêr crescer as injustiças


E ver árbitros nas mãos


De gente pouco séria


O BENFICA nunca deve desanimar


Das suas gloriosas virtudes


E ser feliz da HONRA


De não ter vergonha


De ser um CLUBE HONESTO


 


De Fernando Ramos


26.9.2013

110 - NÃO CANSA O BENFICA AMAR

15
Jan16

 


 



  • NÃO CANSA O BENFICA AMAR

  •  

  • Nas noites à chuva ou ao Luar

  • Desfralda-se a bandeira de tanta paixão

  • No estádio espreita a lua a brilhar

  • P´ra multidão que não cansa o Benfica amar

  •  

  • Ele é a estrela mais brilhante do Universo

  • E a joia mais rara do desporto

  • É um aconchego constante de um verso

  • Gravado na Bandeira do nosso conforto

  •  

  • E no peito escrevemos o nome no coração

  • Do clube por quem o adepto suspira

  • E ao vê-lo jogar é toda a emoção

  • Na honradez que milhões inspira

  •  

  • E no Estádio o céu parece cair

  • Pela Águia da nossa louca paixão

  • Que ao luar voa pró adepto sorrir

  • Pela alegria longe da escuridão

  •  

  • De: Fernando Ramos

  •  

109 - SOMOS MILHÕES

14
Jan16

   


 


SOMOS MILHÕES


 


Somos muitos do BENFICA


Esta é a realidade


Com ele caminhamos


E quando não joga vem a saudade


Por isso choramos


E por ele sofremos e gritamos


 


Somos assim e Deus quer


Que elevamos a bandeira


Do nosso orgulho


E como ele nunca queremos perder


 


Somos o clube da verdade


E do avanço dos tempos


Somos o clube da solidariedade


E da vivencia dos bons momentos


 


Somos o clube que milhões adoram


E da bandeira vermelha


Somos os que mais amam


E connosco


Nenhum se assemelha


 


Somos quem somos


E quem ama ver subir a montanha


Seus atletas correndo


como Cavalos Loucos


Como se não houvesse amanhã


 


De: Fernando Ramos - 109

Pág. 1/2