Minha Poesia

09
Nov 20

144 - O GUARDA

Sei bem quando estou a mais,
por isso saio
Mas fica tranquila,
que por ti zelarei sempre
mesmo quando pensas
que já não estou presente
Meu coração vai andar por aí,
a ti guardando à janela
do meu pensamento
derramando a lágrima mais triste
Na esperança de um dia
te poder guardar sempre
E dizer-te que não estás
só meu amor

de: Fernando Ramos

publicado por Fernando Ramos às 16:39

Novembro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13

20

23
25
26
28



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO