Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia

112 - OS POLÍTICOS CORRUPTOS

Fernando Ramos, 27.09.20

112 - OS POLÍTICOS CORRUPTOS

Há por aí políticos Doutores

que se julgam Patriarcas

Fazem muitas trapalhadas

nos lugares de Autarcas

 

Até há um, que fugiu para o Brasil

e pelo que temos cá lido

foi novamente a eleições, 

com um processo de Arguido

 

E há por aí mais alguns deles,

que do povo se andaram aproveitar

Depois vão às televisões dizer

que a vida lhes querem estragar

 

São uns Anjinhos estes ilustres

que nos andam a enganar   

Depois vem, vão-se queixar

que o povo os quer mal tratar

 

Temos tanta pena deles

que se algum for acusado

Dizemos já à justiça,

que ninguém foi roubado

 

Ouçam lá seus artistas

deixem-se da triste lamúria

Vocês estão todos ricos

e o povo na penúria

 

Eles são tão viajados

que vão do Brasil à Suíça

Levam o nosso dinheirinho

e vão pedir perdão na missa

 

Vamos ver no que isto vai dar

porque o povo anda desconfiado

Óh muito nos enganamos,

ou o povinho vai ser lixado

 

Nós só pedimos justiça

para estes enganadores  

Vamos lá julgar esta gente,

para acabar com reles senhores

 

São políticos sem ética

devem sofrer de alguma tara

Candidatam-se novamente às Câmaras

sem nenhuma vergonha na cara

 

de: fernando ramos

04.8.2005