Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

FERNANDO RAMOS

Minha Poesia


26.09.20

111 - A JANELA DA MENINA

 

Menina estás à janela

esperando p´lo teu amor

Mas enganaste nela

volta para dentro por favor

 

Não vês que essa é do corral

a outra é bem diferente

Vai depressa menina

para a janela da frente

 

Tens a certeza menina

que já é hora de ele chegar

Deves estar enganada

porque já começa a tardar

 

Tão depressa as horas passaram

e ele tem é outro amor

vai para dentro menina

não sofras mais essa dor

 

Mas afinal tu tens razão

a janela é a do corral

O teu amor é um Cavalo

não passa de um animal

 

Fez-te esperar tanto tempo

acho que tempo de mais

Vai para a outra janela

para junto dos animais

 

Lá é que ele deve estar

por deixar teu coração só

Não se faz isso à menina

o dele, é um coração sem dó

 

de: fernando ramos

02.8.2005

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D